IBM Developer Blog

Siga os acontecimentos mais recentes com o IBM Developer, e fique por dentro.

O que o anúncio da graduação do containerd pela CNCF significa para desenvolvedores e usuários finais?


Com o grande anúncio sobre a graduação do containerd na CNCF, o que isso significa exatamente? Phil Estes, IBM Distinguished Engineer & CTO para Container and Linux OS Architecture Strategy, compartilha suas ideias no vídeo abaixo.

É possível que você já seja um consumidor do containerd no conjunto de ferramentas de sua plataforma e/ou de seu contêiner e ainda não saiba disso! Talvez você já use o Kubernetes, o Docker ou um desses outros adotantes que já dependem do projeto do containerd. Muitos desses usuários já estão usando o containerd para gerenciar o ciclo de vida do contêiner. Isso incluiria a criação, o início e a exclusão de contêineres, bem como pushing and pulling de suas imagens a partir de um registro de contêiner, por exemplo. O mecanismo de Docker tem usado o containerd para gerenciar o ciclo de vida de tempo de execução do contêiner há mais de dois anos.

Se você não ouviu falar sobre o containerd, mas está interessado em mais detalhes sobre o tempo de execução do contêiner em si, a documentação deIntrodução é um ótimo lugar para começar.

Se você já estava usando o containerd, pode estar se perguntando o que o status graduado da CNCF significa para você e para outros usuários. De uma perspectiva puramente técnica, não muda muito. No entanto, dados os critérios da CNCF para projetos graduados, muitos veem a graduação da CNCF como um “carimbo de aprovação” com relação à maturidade, ao uso abrangente e ao compromisso com os princípios de estabilidade e segurança de um projeto. Com a popularidade crescente do containerd entre os operadores de nuvem (IBM e Google apoiam e usam o projeto), bem como entre desenvolvedores, você pode esperar ver mais colaboração e maiores avanços à medida que o containerd continua amadurecendo em 2019 e no futuro.

Se você está usando o IBM Cloud Kubernetes Service (IKS) atualmente e está interessado em como nós usamos o containerd, veja esta postagem do blog: “O IBM Cloud Kubernetes Service suporta o containerd.” Se você tiver outras dúvidas sobre a nossa migração para o containerd como o nosso tempo de execução do Kubernetes, será um prazer conversar com você por meio de nossos canais do Slack ou pelo Twitter. (Obtenha um convite para a nossa equipe do Slack registrando-se aqui e encontre-nos no canal #geral em nossa equipe do IKS Slack público.)

Nossa equipe aqui na IBM se envolveu significativamente no projeto de software livre do containerd, com dois mantenedores de envio de dados nos componentes de núcleo e de CRI (a Container Runtime Interface do Kubernetes) do código base. Nós também asseguramos que o containerd compile e seja executado adequadamente em nossas plataformas z Systems e POWER, pois essas plataformas também executam cargas de trabalho nativo em nuvem via Docker e Kubernetes.

Nós estamos ansiosos para ver a direção que o containerd irá tomar a partir daqui. Parabéns a todos os participantes que ajudaram a tornar o containerd um projeto graduado com sucesso!