Participe da Maratona Behind the Code! A competição de programação que mais te desafia! Inscreva-se aqui

IBM Developer Blog

Siga os acontecimentos mais recentes com o IBM Developer, e fique por dentro.

O período de inscrições do Desafio Global 2021 terminou, mas os projetos de código aberto ainda precisam de sua contribuição


Mais uma vez, a comunidade Call for Code atendeu à chamada. Somos gratos a todos que ajudaram a apoiar o Desafio Global 2021 para enfrentar as mudanças climáticas, e a vocês que participaram da competição deste ano. Os desafios sociais trazidos pelas mudanças climáticas continuam sendo algumas das questões mais urgentes de nosso tempo. A equipe do Call for Code estende nosso sincero agradecimento a vocês que se juntaram à luta e estão ajudando a aplicar soluções de tecnologia para fazer uma diferença duradoura.

Existem várias maneiras de continuar a aprimorar suas habilidades e enfrentar os maiores problemas sociais, contribuindo para nossos projetos de código aberto.

A chamada para obter o código está sempre ativada. Embora as inscrições para o Desafio Global do Call for Code 2021 tenham sido encerradas, ainda há muito trabalho a ser feito. Além do Desafio Global anual, o Call for Code tem projetos de código aberto hospedados pela Linux Foundation, que precisam de sua contribuição o ano todo. Desenvolvedores e colaboradores não técnicos podem ajudar com projetos de código aberto projetados para lidar com questões sociais locais ou globais específicas:

  • Novo em projetos de código aberto? Nosso novo curso online “Chamada para Código: Introdução ao Código Aberto” está disponível gratuitamente e apresenta os principais conceitos, ferramentas e processos que você precisa para contribuir com qualquer projeto de código aberto. Comece a aprender e ganhe um distintivo ao concluir este curso.

  • Projetos de código aberto do Call for Code for Racial Justice buscam combater o racismo sistêmico por meio da tecnologia. Os iniciadores de soluções nos tópicos de Polícia e Reforma Judicial e Responsabilidade, Representação Diversificada e Reforma de Política e Legislação incluem recursos para ajudá-lo a aprender sobre os projetos, e como você pode começar a construir, evoluir e alavancar a tecnologia. Suas contribuições para esses projetos beneficiam diretamente as organizações que fazem trabalho de base e as comunidades locais que precisam dessas soluções. Junte-se à comunidade Call for Code for Racial Justice no Slack para obter acesso a especialistas e colaboradores e comece a apoiar essas iniciativas.

  • As inscrições para o Desafio Global do Call for Code são implantadas no mundo real e progridem para se tornar o código-fonte aberto por meio de nossa parceria com a Linux Foundation. Um exemplo é o projeto open source Pyrrha, que cresceu a partir da solução vencedora do Desafio Global 2019 da equipe Prometeo, e tem como objetivo acelerar a inovação em torno do monitoramento da saúde e segurança dos bombeiros. A comunidade do projeto Pyrrha dá as boas-vindas a novos colaboradores que podem ajudar em coisas como melhorar a análise de exposição a toxinas, melhorar os recursos do dispositivo móvel ou implantar o software em novos ambientes ao redor do mundo. Você pode explorar este e vários outros projetos de código aberto do Call for Code projetados para abordar questões urgentes, como mudanças climáticas, desastres naturais e COVID-19. Junte-se à comunidade para saber como você pode contribuir.

  • Inscreva-se para receber nosso boletim informativo Call for Code e receber atualizações importantes, incluindo novos Spot Challenges, projetos de código aberto e oportunidades de desenvolvimento de habilidades. Inscreva-se no boletim informativo.

Os vencedores do Desafio Global 2021 serão anunciados em novembro. Enquanto isso, mantenha-se conectado com nossa comunidade, contribuindo com projetos de código aberto que tenham um impacto tangível, e saiba como somos gratos por você estar disposto a compartilhar seu tempo e talento para tornar nosso mundo um lugar melhor.

*O Blog Post acima foi traduzido da página em inglês. O conteúdo original pode ser conferido neste link.