Usando Watson para classificar currículos

Introdução

O processo de análise de currículos é uma tarefa rotineira de qualquer profissional da área de recursos humanos. Porém muitas vezes esta análise é constituída de um processo longo e demorado de leitura e classificação dos currículos. Nesse pattern, você vai desenvolver uma aplicação usando NodeJS e Watson Personality Insights para auxiliar neste processo de classificação de currículos, usando como base a personalidade do candidato.

Descrição

Fazer a triagem de dezenas de currículos pode ser uma tarefa bastante tediosa e repetitiva, porque não usar então um sistema cognitivo como o Watson para otimizar esse processo?

O Principal objetivo dessa aplicação é possibilitar uma configuração customizada do sistema, de maneira que atenda a necessidade de diferentes segmentos. Essa customização está presente na aba ‘Modificar Parâmetros’ da aplicação, em que é possível configurar os valores mínimos requeridos para certa área.

Se você estava em busca de uma solução simples para otimizar esse processo de seleção, você pode utilizar essa aplicação com suas configurações para o sistema.

Você criará um aplicativo com base no seguinte fluxo:

  • O aplicativo recebe um arquivo PDF (currículo do candidato).
  • O Backend em NodeJS realiza a requisição para o Watson Personality Insights e retorna a personalidade do candidato para o Frontend (Angular App).
  • A aplicação em Angular (Frontend) será responsável de realizar a classificação entre as áreas, selecionando assim a que mais se adequa ao candidato com base nos dados retornados do Watson Personality Insigths.
  • A área(s) mais adequadas são mostradas como resposta a este currículo, além de um conjunto de gráficos referentes a personalidade do candidato.

Fluxo

Usuário - núvem pública

  1. Você pode usar essa aplicação localmente editando o arquivo ‘.env’ com suas credenciais do Watson Personality Insights e rodando ‘npm install’ na raiz do projeto e na pasta client. Ou usar o botão de deploy (presente no github do projeto) para deploy na IBM Cloud.
  2. O usuário usa o a aplicação Angular para se comunicar com o backend em Node, solicitando a análise de personalidade.
  3. Com auxilio do SDK de Watson para Node, é feita a chamada de API para obter a personalidade do candidato.
  4. Com esses dados de personalidade a aplicação Angular contabiliza a quantidade de pontos para cada área cadastrada no sistema, definindo assim qual área o candidato tem mais afinidade.

Instruções

Encontre as etapas detalhadas para esse padrão no README.